Wednesday, October 01, 2008

Kimi Capitu


Nesses dias de centenário de Machado de Assis, "Dom Casmurro" na cabeça. O cerne dessa obra machadiana - afinal, Capitu traiu ou não traiu Bentinho? - bem que poderia fazer eco na Fórmula 1.

(Lá vai a Alessandra e suas viagens...)

Capitu é descrita como tendo um "olhar de cigana oblíqua e dissimulada".

Pois às vezes me pergunto se Kimi Raikkonen não está sendo mais dissimulado do que a própria Capitu de Machado. Ora, vejamos.

Kimi não tem feito uma temporada excepcional, mas só deixou de ter chances ao título na última corrida.

Seguidamente, tem feito a melhor volta das provas, mostrando que não desaprendeu para que serve o pedal da direita. Como se dissesse, a toda corrida: "Vejam, quando eu quero, eu acelero."

Aqui e acolá, pipocam referências à ajuda que Kimi pode dar a Massa, para a conquista do título.

Ora, que ajuda Kimi pode dar, se está sempre largando atrás de Massa, se não tem brigado por vitórias desde a Bélgica, se levanta dúvidas quanto a ser um segundo piloto menos eficiente que Heikki Kovalainen?

Será que Kimi quer bancar o segundo piloto? Será que ele não está, como se diz na linguagem futebolística, fazendo corpo mole?



Pela expressão de seu rosto, jamais saberemos. Esse parece ser cria legítima de Capitu. Haja dissimulação.

12 comments:

Ron Groo said...

Pensei nisto também. Ao que parece Raikkonen olha a briga a distância e com um ar enfastiado de quem pensa que já fez sua parte pela equipe consquistando um titulo mundial.
Também penso que ele não vai ajudar quem quer que seja, Massa ou Ferrari. Vai apenas fazer figuração de luxo nas próximas três provas e se der, apenas se der, chegar a frente do Hamilton. Se esforçar pra isto? Nem ferrando.
Mas não é viagem sua não, misturar Kimi com Machado de Assis...
Dia destes eu consegui encontrar referencias a ele num velho (quase)sucesso de Sérgio Sampaio. Até coloquei isto no texto em homenagem ao grande SS em meu blog.

Anonymous said...

Se tivéssemos ao menos uma pista !

Mas em se tratando de Kimi tens razão, é impossível ter idéia do que o rapaz pensa.

Algumas coisas até ficaram mais claras quando Kimi foi campeão em 2007 ,naquele momento ele se soltou mais e disse coisas mais claras ,algo como se passássemos a conhece-lo melhor ,pelo menos mais do que antes.

Esta foi a impressão .

Me parece um bom menino.

Jonny'O

Gil said...

Tadinha de Capitu, sempre injustiçada. Havia paixão nela, em Kimi eu nunca tive certeza de tal sentimento nas pistas.

Celinho Boy said...

Bem, acho que vc vê as coisas melhores do que eu no que tange a F1, mas sinceramente não entendo também pq o Kimi caiu tanto de produção. Será que naquele ano ele ganhou na base da sorte, enquanto Hamilton e Alonso travavam uma guerra que não ocorreu a 500 anos atrás?*
Será que na hora da decisão o finlandês vai ajudar o companheiro na hora da verdade? Se ele é capitu, com quem ele estaria traindo? Com a McLaren? Beijos e abraços Alessandra.

*Trata-se duma ironia, pois há quase 500 anos atrás, a Espanha decidiu bombardear a Inglaterra por questões territoriais, uma coisa assim. Pra isso, mandou uma gigantesca frota de navios conhecido como "A Invencível Armada". Mas aí veio um temporal daqueles e destruiu quase toda a frota de navios.
O termo voltou a ser usado nos anos 90 para designar a melhor safra de tenistas surgidos na Espanha.

Blog F1-V8 said...

Olá Alessandra!!
Excelente post, avaliando Kimi Rakkonen através da obra de Machado de Assis! É um comentário que une suas grandes habilidades, a de falar de literatura e sobre automobilismo!

Mas Kimi, assim como Capitu é um personagem totalmente enigmático... Nunca poderemos saber o que ele é ou pensa exatamente. Pela cara que fez quando abandonou o GP de Cingapura, percebi que ele realmente decepcionou-se por estar fora da briga pelo título... Mas isso não significa que não poderá ainda fazer boas apresentações no restante do ano... Mesmo que não ajude Felipe Massa diretamente, cedendo posições ou dificultando a vida de Hamilton, acredito que Kimi pode desempenhar papel fundamental para a Ferrari no restante da temporada, roubando pontos importantes de Lewis Hamilton. Para isso, terá que encontrar nova motivação, não só pelo bem da Ferrari, mas também pela sua posição de campeão do mundo (título, a meu ver, conquistado com toda justiça, afinal, Kimi preocupou-se em correr e atropelou Hamilton e Alonso na reta final de 2007)

Beijos!!

luca said...

a equipe é que deve estar achando uma gracinha gastar quase 50 milhões de dólares de salário e ver até o titulo de construtores ir pro ralo pq a criança tá fazendo biquinho, não quer mais brincar...
singelo

Fabrizio Salina said...

Não sei se está "capituzando", mas com certeza, nesse campeonato deu uma de Brás Cubas.

Marcos Antônio Filho said...

Realmente não parece que o Kimi está afim de ajudar ou até ajudar a si mesmo,talvez ele esteja se preparando já pra Albers Park em Março.enquanto isso vai enganando se fingindo de acabado...

Anonymous said...

Sacanagem, Salina!rssss

Fábio said...

Acho que o Kimi é a vaca holandesa da temporada, prometia 40 litros de leite, mas deu um coise no balde;

Fabrizio Salina said...

Sacanagem?!! Ora, que tal Brás Vodkas?

Toni said...

Kimi Capitu ...
Kimi Capitulou.
Simples assim.