Tuesday, March 17, 2009

Losers



"O segundo colocado é o primeiro entre os perdedores."
Ayrton Senna






"Um vencedor, dois perdedores."
Relâmpago McQueen



Hoje, o Conselho Mundial da FIA tornou o número de vitórias o critério determinante para definir o campeão da temporada. Será campeão quem ganhar mais provas, não quem somar mais pontos. Ou seja, tornaram regra o que, até agora, era frase de efeito.

E se alguém desembestar a ganhar corridas logo no começo da temporada, como Schumacher fez em 2004 (venceu oito das nove primeiras)? O campeonato termina em julho.

Que beleza...

11 comments:

Véio Gagá - BH said...

Se o que você falou ocorrer, eles mudam o regulamento. Aliás, o regulamento esportivo deveria ser pétreo. Mudar-se-ia só o regulamento técnico. É chato pro espectador não ter uma história real do esporte, onde a garantia de igualdade entre os esportistas possa alimentar as estatísticas. Número de pontos que variaram entre temporadas, existência de descartes e, agora, as vitórias. Já é difícil fazer estatísticas com pilotos que foram campeões em épocas diferentes. Agora vai ficar impossível.

Anonymous said...

Ridículo. Vou até torcer para um piloto desembestar a ganhar as oito primeiras, aí pode até variar de ganhador umas três corridas e Tchan, tchan, tchan: ACABOU O CAMPEONATO!! Em junho! Impossível acontecer? Já aconteceu: 92 (Mansell). E de novo em 2004! E até dá pra dizer que em 88, 89, 2002 também. ACABARAM COM O CAMPEONATO ANTES DELE COMEÇAR!
Reclamavam de jogo de equipe, mas agora ele vai acontecer desde a primeira corrida! VERGONHA. Muito melhor seria dar 12 ou 14 pontos para o vencedor!
Se ganhar as primeiras quatro corridas (Senna 91, Alonso 2005, etc) é só ficar marcando o principal adversário. O negócio é o Barrica ganhar as primeiras corridas (se for real o desempenho da BrawnGP) que ele passa a ter chance. Resumindo: achei a maior merda da história da F1.
Ganhe as primeiras corridas e e ganhe o direito de assistir o resto do campeonato da proa do seu iate em Mônaco, tomando champanhe! E com o título garantido.
TOMARA QUE REVERTAM ESSA RIDÍCULA DECISÃO!

Anonymous said...

"O segundo colocado é o primeiro entre os perdedores."

Essa frase também é atrbuída ao Nelson Piquet.

Lauda

Thiago Ferro said...

Ridícula a mudança.

Anonymous said...

O comentário sobre o segundo ser o primeiro entre os perdedores é do Piquet e nao do Senna.

Anonymous said...

Com certeza vai aparecer novas regras depois de algumas corridas para regulamentar as novas regras e por ai vai.

Já imaginaram ,faltando dez voltas para terminar uma corrida ,por exemplo ,uma dobradinha da Ferrari com Alonso em terceiro e Hamilton em quarto ,logicamente Renault e Mclaren dão uma rápida ordem a seus pilotos para entrarem nos boxes e abandonar a corrida para poupar equipamento .Pronto! No dia seguinte o conselho se reúne para refazer as novas regras ,e sai o pacote onde aquele que abandonar nas ultimas 10 voltas terá o carro examinado .Ótimo!

Na prova seguinte os carros estão no final em posições trocada ,assim a dupla da Ferrari que estão em terceiro e quarto "subitamente" saem da pista de forma estranha e abandonam a corrida. O conselho se reúne na segunda !

E lançam as “Mais novas e criativas regras Plus “ ,onde aquele que sofrer um acidente nas ultimas 10 voltas será investigado por um comitê formado de voyeurs profissionais do You Tube ,que julgarão a manobra .

E assim ...o campeonato de 2009 provavelmente será decidido depois de ,mais ou menos ,quatro a cinco anos ,assim que tivermos os términos dos julgamentos .

Simples assim.

Jonny'O

Marcos Antônio Filho said...

realmente isso acaba com um tesão de ver uma temporada que tinha tudo pra ser ótima. Se era pra mudar e fazer essa senhora merda, que não mudasse, que desse jeito mesmo sendo ruim, ainda dava boas corridas de vez em quando.

Ron Groo said...

É triste, mas acabamos de ver que quem faz as regras nunca entendeu nada do esporte.
Não vou deixar de ver as corridas e nem de amar a F1, mas confesso que baqueei.

lynwilliams said...

Não tinha a Taça Jules Rimet? Deveriam entregar a Taça Michael Schumacher esse ano.

Rodolffo GF said...

Aproveito para postar interessante e oportuníssima colocação do Capelli em seu blog:

"Na Fórmula 1 de Max Mosley, o pole position não é o mais rápido e quem tem mais pontos não é o campeão mundial."

Como diz o Capelli, daqui a pouco estaremos todos com saudades do Balestre, rsrsrs!

Ney Faustini said...

Alessandra, seria interessante corrigir a frase atribuida ao Senna, antes que mais gente passe este erro a frente...