Wednesday, September 12, 2007

Campeão café com leite

.
Quem apostou em uma coluna nova no GPTotal acertou. Qual o valor real deste título de 2007? Que status terá o campeão da temporada? Leia lá, comente aqui.

11 comments:

Herik said...

Falar que você escreveu outra ótima coluna é chover no molhado, não é!?
Concordo com você que esse campeonato já foi para o vinagre. Seja quem for o vencedor sempre estará sobre ele aquela nuvem de desconfiança, aquele sentimento de "campeão de 2007? Ah, aquele ano da espionagem, do tapetão..."
A única diferença deverá ser um asterisco ao lado do 2007 nos anúarios e demais publicações sobre F1.
Eu, que torço pela Ferrari, não gostaria de ver a equipe ganhando o campeonato nessas circunstâncias.

Diego said...

Esse será o campeonato e o campeão do asterisco, se houver uma punição isso que vai acontecer. Daqui 15 anos, um garoto que nasceu hoje vai ver que esse campeonato foi cheio de trapaças e desonestidades. Agora Alessandra, mudando de assunto, tô começando à achar que o Brasileiro de 2005 também terá um asterisco. Se juntaram com a máfia russa e deu nisso.

Gustavo Miglia said...

Olha Alessandra, a f1 está tão pouco interessante no quesito esporte puro que começei a ler a sua coluna mais no "piloto automático" mesmo, pois sei que sempre escreve muito bem. No entanto, nem acabei de ler a mesma não por falta de interesse ou algo mau escrito sobre esse narcótico (de dormir, de dormir.....) esporte atual, mas sim pelo ponto mil vezes mais interessante e filosófico de um possível leitor do futuro interpretando suas linhas. Olha, dá para viajar legal nessas considerações e possibilidades de como seremos vistos daqui há talvez 2, ou 5, ou 6 décadas.... qual a nossa percepção e ver aquelas fotos em preto e branco dos nossos quase sempre vestutos parentes em seus melhores trajes, quanto imaginar como era a vida e o cotidiano naquela época, pessoas que como nós que tinha milhões de pensamentos e sensações ao longo de uma vida muitas vezes sacrificada. Pessoas que não tinha a benção (às avessas muitas vezes) da possibilidade hoje quase ilimitada de informações de todos os tipos. Como elas viviam desse modo? o mundo delas era preto e branco como nas fotos pelo simples fatos dos recursos disponíveis para muitas coisas serem rarefeitos ou simplesmente diferentes? e como elas viam seus antepassados que nem poderiam ser retratados em filme, quem sabe os mais abonados apenas em tela....nossa, um simples exercício de imaginação pode abarcar todas as eras passadas pelo simples poder da informação que temos a disposição atualmente, basta apenas investigar e ter curiosidade. Do mesmo modo que podemos achar muitas vezes as vidas congeladas nos retratos antigos talvez pouco interessantes (presunção fácil de ocorrer na nossa atual era), o mesmo acontecerá com os leitores do futuro, com os humanos do futuro que nos verão como pessoas que se vestiam estranhamente e que viviam "não sei como" absortos numa verdadeira idade das trevas em comparação com o que eles têm agora em mãos. Talvez se acharão mais inteligentes, mais racionais e esclarecidos, dominantes da era atual da computação quântica (especulo)e não da nossa vida digital pré-histórica....viagem louca eu sei, mas o próprio ser humano tendo consciência de que um dia seus tendões, seus ossos e todas as suas aspirações serão fechadas para o sempre dentro de uma caixa constituem-se da maior das "loucuras" e da maior das esperanças: a vida que continua alêm das fotos e da curiosidade daqueles que nos lerão daqui há tanto tempo que teremos desaparecido...como bem disse, "...não estarei mais aqui", é bonito, poético e tremendamente reflexivo pensarmos nesses termos. Quem sabe acalentando o devido respeito aos que foram antes de nós, teremos o mesmo tratamento daqueles que ainda virão, em todas as esferas: os antigos campeões do esporte (voltando a f-1) sempre serão lembrados, nós seremos lembrados por quem nos amava (ou odiava), e assim a vida continua na sua louca corrida bem mais interessante que qualquer etapa do Mundial. Quem sabe não será uma Alessandra rediviva que lerá os antigos escritos de sua nem sonhada antecessora - pensando no espiritismo agora - e que de algum modo, se sentirá voltando para casa....
Abraços! P.s: tomara que me leiam também não? (rs)

Eloisa said...

Eu postei hj de madrugada um post (olha a redundância...) cujo título era: questa abajo (exatamente o tango de gardel) e pelo visto é para lá que vamos!

Ron Groo said...

A sua comparação com o Congresso nacional é pertinente. Já a usei um caminhão de vezes, ou melhor gosto mais... um ônibus de vezes.
Só uma coisa. Hoje os fatos viajam numa velocidae gigahertziada, quase da luz. Então, esta dificuldade em sabermos que o campeão de 1970 foi póstumo é da epoca. Agora não. Se nos anos vindouros qualquer moleque (meu filho de 13 anos por exemplo) colocar no Google (oi coisa que o valha na época) 2007. Todas as páginas apresentadas vão dar: "Campeonato sob mancha" e um (*) vai aparecer ao lado do nome do sujeito, seja ele quem for. Não vou deixar de adorar esta coisa de acelera e fazer curvas, como disse Ernesto Rodrigues. Mas vou ficar com um pé atrás. E seja qual for o resultado amanhã já me sinto tendo tomado um 'punta-taco' nos fundilhos.
Ah...Ó aplacou a larica, mas tá longe de contornar o vício em ler tuas palavras no GPtotal.

Andre Dias said...

Esta lista de campeões serve para isto mesmo: lembrar das entrelinhas do campeonato e das grandes historias que o marcaram. Sei não, mas do jeito que a coisa vai o asterisco de 2007 será apenas um entre muitos que virão.

Lembra-se daquele teste de 10k na semana passada? Pois bem, não deu pra mim. Fiz 45:19 e o esperado era 44. Deveria ter cortado o cabelo na véspera....Fica o delicioso sabor de tentar outra vez.
Abraços
Andre

Caíque. said...

Alessandra,

Concordo com sua linha de raciocínio, mas vou reproduzir uma opinião minha que coloquei no Blog do Mattar (saco de gatos), porque tenho uma opinião bastante definida sobre a questão da Legalidade deste título:

..."Regulamentos, no esporte-motor, são feitos para serem burlados. Alguns conseguem e não são pegos nunca, outros são pegos e perdem pontos, dinheiro ou são suspensos (Williams, Tyrrel, Brabham com seus tanques de água por exemplo, Mass Dumpers, Michelin com pneus fora do regulamento, etc). A F1 sempre foi assim, mas NUNCA uma equipe foi pega com TODAS as especificações técnicas de seu MAIOR concorrente como aconteceu com a McLaren. 780 folhas de material é o equivalente aos livros de medicina que comprei para o Meu filho na época da faculdade e o Ron Dennis, ao questionar o assoalho liso da McLaren, só o fez porque CONHECEU o mesmo através do Dossiê que recebeu, o pior foi que a FIA testou o assoalho e ele estava dentro do permitido e para que não houvesse maiores problemas, ela, FIA, resolveu alterar esta parte do Regulamento. Alguns bobos acham que a McLaren nada usou porque o carro em nada se parece com o F2007, o que é mais errado ainda, porque a melhor informação pelo que todos falam, não estava nos desenhos aerodinâmicos e sim na parte de tirar o melhor rendimento dos PNEUS e aí a McLaren adotou, COPIOU e se deu bem. Por isso acho que a melhor coisa para o Campeonato é a ELIMINAÇÃO DA MCLAREN, equipe e PILOTOS que se beneficiaram e FORAM PEGOS com a mão na massa. Essa de se dizer que a Ferrari estaria vencendo no TAPETÃO é outra babaquice, afinal ela foi ROUBADA e está tendo prejuízo na pista por este roubo de tecnologia.
Se a Ferrari ou qualquer outra Equipe roubou tecnologia no passado e ninguém pôde confirmar, logo não se pode punir, mas nesse caso, tudo foi confirmado, logo punição.
A Justiça nesse caso estará sendo feita no TAPETÃO e não nas pistas onde está acontecendo o DELITO, por isso concordo com o que disse o Montezemolo de comemorar o Título se isso acontecer."...

Essa é a minha opinião e eu só colocaria Asteríscos se o título for do Alonso ou do Hamilton.

Um abraço.

Rio Kart said...

Suas linhas tem muita identidade. Muito bom!

É baléla tentar manter o posto de melhor campeonato dos últimos anos... baléla.

Alessandra Alves said...

herik: obrigada! falo um pouco mais dessa questão da ferrari abaixo, veja lá, por favor.

diego: anseio pelo dia em que o corinthians volte para as páginas de esportes e saia da página policial...

gustavo: puxa, rapaz, que alegria você me deu com sua reflexão! ao fim e ao cabo, acho que esta é a maior recompensa de quem escreve. muito mais do que ser apenas lido, muitíssimo mais do que ser admirado ou receber a aprovação do público, é levar à reflexão. obrigada, mesmo!

elô: a dramaticidade dos fatos vividos na place de la concorde hoje é bem gardel, mesmo. aliás... você já leu uma coluna minha do gptotal chamada "por uma cabeça"? f1 e tango, quem diria...

ron: de fato, hoje a informação chega mais rápido, mas meu ponto é que, independentemente dos rumos que a situação tome, 2007 terá um campeão. ao vencedor, as batatas.

andré: se um dia eu fizer 10k em 45´19 vou soltar rojões. parabéns pelo tempo, mas eu entendo sua frustração. quando a gente quer, não tem quem faça não querer. boa sorte na próxima!

caíque: acho que você concorda que nossos pontos de vista não são antagônicos. se a ferrari ganhar o mundial, com qualquer um de seus pilotos, prevalecerá a justiça e eu, como cidadã, mãe e amante do automobilismo, vou me sentir satisfeita e vou poder reforçar o que disse ao meu filho de sete anos dia desses, quando ele soltou a seguinte frase: "é, mamãe, honesto sofre". eu disse que, às vezes, sofre mesmo, mas mesmo assim, o único caminho a se escolher é o da honestidade. duas coisas me entristecem nessa história, de maneira mais contundente.

primeira: saber que esses quatro pilotos que, como todos os outros do grid, são os que se arriscam em nome do espetáculo, já foram prejudicados pela atitude desonesta dos envolvidos nessa trama. não se trata, aqui, de julgar se alonso é chorão, se hamilton é fabricado, se raikkonen é pinguço ou se massa é instável. eles estão fazendo seu papel e não mereciam que suas valentes performances fossem conduzidas a um tribunal.

segunda: por mais que eu ou você ou muita gente tenhamos vívido esse sentimento de justiça, sempre haverá quem olhe o título da ferrari com reservas. tenho convicção disso depois que ouvi, de mais de uma pessoa, que carl lewis não foi um campeão legítimo dos 100 m rasos, porque, de fato, quem venceu aquela corrida foi ben johnson. ora, meu deus!!! esse canadense foi pego mais de uma vez com a boca na botija e ainda há quem desconfie da medalha de carl lewis! no fundo, acho que minha tristeza está além da place de la concorde. está na essência pilantra de parte da humanidade...

rio kart: essa questão da competitividade do mundial, para mim, já estava superada há muito tempo. o fato de termos quatro pilotos disputando o título não tornou as corridas mais interessantes, pela falta de disputa em quase todas as provas. mas isso até que era o de menos, depois dessa confusão toda...

Anonymous said...

Em primeiro lugar ,um viva para o retorno de sua coluna no GPTotal,estava fazendo falta.
Adorei a coluna ,e como disse em um post anterior,já estragaram o campeonato,mesmo assim espero que se faça justiça como disse o Caique.

Jonny'O

Celso Vedovato said...

Fantástico Alessandra. Não deixe mais os seus fãs e do GPTotal, esperando tanto pelo seu bom senso e bom humor. Aliás o Panda deve também uma coluna nesse simpático e querido site.