Wednesday, October 04, 2006

Dois turnos

Lula é Fernando Alonso? Alckmin é Michael Schumacher? Vai lá no GPTotal e descobre! Depois, me diz o que você acha.

10 comments:

Helder said...

Alessandra

Belo texto, e simbólicamente uma imagem me marcou com relação ao atrito entre Renault e Alonso.
Depois do pódio Alonso "lançou" sua garrafa de champangne para o mecânico da Renault, que deixou-a cair no chão espatifando-a.
Em seguida Schumacher fez o mesmo gesto, que já é costumeiro dele, e o mecânico da Ferrari pegou delicadamente a garrafa e saiu se vangloriando do fato.
Parece que Renault e Alonso não se entendem mais nem na hora de comemorar!

abs

Helder said...
This comment has been removed by a blog administrator.
Helder said...
This comment has been removed by a blog administrator.
Alessandra Alves said...

não, aqui não tem censura: os dois comentários acima foram excluídos porque estavam repetidos!

Mauro Chazanas said...

Hello, Alessandra. Oi, pessoal. Ao sabor da chuva caindo, neste momento, aqui em Saint Joseph on the Fields, e aguardando o embate emtre Corinthians (agremiação pela qual tenho o maior apreço) e o nosso Santos Futebol Clube, deixa falar rápidinho.
De novo, nada a ver, né?
Adorei voce falar "avermelhados" pra responder pra mim.
Òtimo, mesmo, mesmo. Sério. Alessandra, é só pra te falar que minha esposa e minhas três filhinhas voltaram pra campanha. Myself idem. Ah, e que meu pai "chuta" que a diferença vai ser de quinze milhões de votos. Sei não. Prefiro lembrar-me daquela canção, que, aliás, estou ouvindo agora, do Cazuza: "Pro Dia Nascer Feliz"
Lembra? "... Estamos, meu bem, por um triz!...".
Alessandra, estamos por um triz.
Super boa quinta-feira pra voce, e pra todo mundo.
Tchau, tchau.

Gustavo M. said...

Bem oportuno o texto Alessandra, fecha perfeitamente com o atual momento político. Bem, sobre a corrida - mesmo gostando do Schumacher - não vi nada de genial na ultrapassagem pela grama. Na verdade, acho que seria mais perigoso freiar no limite para evitar uma colisão....a bem da verdade é que o Fisico facilitou, qual o interesse dele em ver seu companheiro campeão do mundo novamente? e a pressão que recairia sobre o italiano o ano que vem? contrato assinado, o Alonso que se dane, deve ter pensado....

Fugindo do tópico, que sensibilidade e delicadeza do SBT em exibir um filme - nessa terça- que tinha como ponto de partida um terrível desastre aéreo...o que faz o Ibope!!!

Abraço;

António said...

Nunca vi um artigo escrito por Alessandra Alves que não fosse tendencioso a favor de Schumacher , nem um sequer por isso não a respeito como jornalista, uma vergonha...se quer ser jornalista tem que de vez em quando despir a camisola !
Alonso tem o sistema a seu favor ? acha mesmo que Alonso bloqueou Massa em Monza ?
Você e o tal de pandini...dois bem orquestrados adeptos do Alemão a fazerem de jornalistas...
deixo uma sugestão : deixem o jornalismo e vão para a bancada torcer...é mais sério.

Alessandra Alves said...

helder: a cena da garrafa espatifada também me impressionou. pode ter sido um "sinal", um "aviso", como diriam os esotéricos, ou apenas a lógica. a renault está tão indiferente a alonso que seus mecânicos não têm entusiasmo nem para agarrar sua garrafa de champanhe. já os ferraristas estão tão empenhados em fazer o hepta tornar-se octa que se atiram ao chão por ele! nessa altura, vivo como schumacher é, deve ter prometido as luvas do título para um, a balaclava para outro. se duvidar, vai doar até a roupa de baixo para seus mecas. e eles se rasgam por ele!

mauro: que seu alvi-negro tenha pena do meu, hoje. mas você não acha que eu acreditei na sua simpatia pelo timão, né? ah, vá: ou se torce pelo corinthians ou contra o corinthians. simpatia a gente tem pela lusa e só.

gustavo m.: aí é que está. a manobra não foi espetacular, foi fácil demais. por isso perguntei: vexatória ou suspeita? pois quer saber: parece que fisichella e schumacher gastaram a noite de domingo, pós-corrida, em uma animada baladinha no hotel, em Xangai, enchendo a cara de coca cola até altas horas da madruga. no mínimo, pode-se concluir que chateado pela ultrapassagem o italiano não estava, né não?

sobre o sbt, vou fazer como o flavio gomes: no comments.

antónio, meu patrício: não me queira mal e, por favor, tente ler meus textos com outro enfoque. ao dizer que acho schumacher favorável ao título não estou dizendo que torço por ele. também passei a achar alckmin favorável à eleição e afirmo categoricamente que torço com todas as minhas forças para que isso não aconteça. quando disse que alonso, como lula, tem a máquina a seu favor, eu me referi especificamente à máquina, ao carro de alonso, que tem sido consistentemente melhor que a ferrari de schumacher. não disse que o sistema está pró-alonso e achei a punião ao espanhol, na itália, um absurdo. e ninguém me ouviu comentar nada ao contrário disso. e como dizer que meu texto é pró-schumacher se menciono sem ironias e meias palavras as manobras pouco honestas do alemão?!

Kart said...

Se o amigo não conseguiu entender a analogia brilhante que você fez Alessandra, fazer o que né? Primeiramente antes de virem dizer que você torce pelo Schumacher (fontes me disseram que não existe essa possibilidade de jeito nenhum, e um texto seu sobre a corrida de F-1 que você assistiu em Interlagos uma vez não deixa dúvidas de quem é seu preferido) deveriam dar uma rápida vasculhada nos seus textos mais antigos para essa insinuação cair por terra.

Como sempre, seu teto é pertinente com os acontecimentos e muito informativo. Parabéns. Esperamos uma decisão de campeonato limpa ao contrário de outras ocasiões.

Anonymous said...

venho por este meio apresentar as minhas condolências formais a Alessandra Alves e Luiz Alberto pandini pela perda de ambos os titulos para a Renault.
Aproveito também para colocar esta questão : se atravês de uma piada de mau gosto se chamou aos adeptos de Ayrton de " Viuvas " agora que Schumacher se retira os adeptos do alemão passam a ser chamados de quê ? Orfãos ? Abandonados ?

Agora também não acham graça....

E quem duvida que amanhã a F1 já encontrou novas estrelas não sabe nada de como funciona uma máquina trituradora como é a F1.

Sempre contra o jornalismo tendencioso

António